As festas de final de ano estão chegando e com elas a expectativa daquele momento de pular as três ondinhas do mar proclamando seus desejos para o ano novo que chega. Quem nunca fez isso? Ou devorou aquele cacho enorme de uvas com um desejo embutido cada uma?

Mas a verdade é que ano entra, ano sai, e quase nunca “dá tempo” de transformar nossos sonhos em realidade. O questionamento que fica é: o que podemos fazer sobre isso, além de confiar na sorte?

No mês passado fizemos um evento em Curitiba e pudemos constatar que quase ninguém está satisfeito com o tempo que tem. A sensação de que o tempo está voando é comum. A ironia sobre este assunto é que o tempo é o fator mais democrático que existe, pois todos temos 24 horas por dia, independente de idade, raça, classe social… Então, por que alguns estão mais felizes que os outros em relação a este assunto?

A resposta é gestão, planejamento. É definir prioridades por meio de autoconhecimento e fazer uso da matemática para redistribuir nossas 24 horas do dia em função dessas prioridades.

Eu te convido a fazer um diagnóstico do seu tempo. Se você dorme 8 horas por dia, trabalha 8 horas por dia, o que está fazendo nas outras 8 horas? Será que não está desperdiçando seu tempo com atividades que não trazem nenhum retorno positivo? Atividades que não contribuem para nenhuma das promessas que você fez enquanto pulava as ondinhas no reveillon?

Enquanto você dorme ou descansa, faz exercícios, come, está contribuindo para sua saúde. Enquanto trabalha, ou está no trajeto para seu trabalho, está provendo sua subsistência, ou da sua família e adquirindo recursos para atingir seus objetivos pessoais. Quando trabalha como voluntário em uma causa social, está ajudando a melhorar a sociedade onde está inserido.

E quando assiste um programa que não te diverte, não te ensina nada, não te emociona? Ou fica ouvindo aquele colega de trabalho falar mal do chefe ou de outro colega? Ou fica horas apenas navegando nas redes sociais absorvendo energia negativa das notícias ou das outras pessoas que estão ali apenas “matando o tempo que você queria ter”?

Como diz aquela frase citada no livro de Lewis Carroll, Alice no País das Maravilhas: “Pra quem não sabe onde quer chegar, qualquer lugar serve”. A Internet é maravilhosa para quem entra nela sabendo o que está procurando e segue sua própria trilha. Já para quem entra nela e fica à deriva, seguindo marés e correntes que não lhe pertencem, pode ser como uma areia movediça.

O Brasil está entre os três países do mundo no qual a população passa mais de 9 horas do dia navegando na Internet, sendo que cerca de 3 horas são nas redes sociais. Os dados são do relatório “2018 Global Digital”, da We Are Social e da Hootsuite. https://digitalreport.wearesocial.com/

Mesmo que você não esteja absorvendo energia negativa na internet, pode estar perdendo seu precioso tempo, a moeda mais cara da atualidade.

A PARÁBOLA DOS TRÊS CRIVOS

Para navegar na internet é recomendável utilizar alguns filtros. A parábola dos três crivos, sobre a qual já escrevemos antes no BlogMOOM, cabe bem aqui: se algo não é verdadeiro, útil ou bom, não merece nossa atenção.  http://moomconsultoria.com/2018/05/07/verdade-bondade-e-utilidade-parabola-do-tres-crivos/

APROVEITANDO O TEMPO

Mas, o que fazer nos intervalos de tempo que “sobram”? Quando estamos esperando pelo médico, pelo Uber, pelos filhos no portão da escola, sempre sobram uns minutinhos. E nosso piloto automático interno faz o que? Já pega o celular e vai para as redes sociais.

Porém, é possível fazer coisas úteis e produtivas até mesmo nesses curtos intervalos. Ficam aqui algumas ideias: eliminar contatos inúteis ou antigos da sua agenda telefônica, jogar fora os tickets de cartão e listas de compras velhas da sua bolsa, enviar palavras de carinho para seu amor, marcar um café com sua amiga ou amigo que não vê há tempos, reorganizar sua agenda, etc.

FERRAMENTAS PARA ADMINISTRAR O TEMPO

Por falar em agenda, não abra mão da sua. Seja no celular, no computador, ou a charmosa e tradicional agenda de papel, use uma agenda. Comece fazendo uma lista das suas tarefas atrasadas, presentes e futuras e defina urgências e prioridades.

É importante você saber de verdade quanto tempo leva para fazer cada coisa. Redigir um relatório, escrever um artigo, conduzir uma reunião, responder seus e-mails…. Muita gente usa a agenda, mas marcando apenas o início dos compromissos e acaba em um “engarrafamento de atividades” que acabam sendo postergadas.

Para definir prioridades, a matriz de Eisenhower é incrível! Já falamos sobre ela também. Para quem não lembra, ou não viu, segue o link: http://moomconsultoria.com/2018/01/25/tecnicas-de-organizacao-pessoal/woman-in-office-with-burnout/

E dois alertas importantes: tome muito cuidado com a procrastinação, pois, silenciosa, ela sabota sua autoestima dizendo que você está atrasado ou que não é capaz; e não tenha vergonha de dizer não – com delicadeza –  para convites a compromissos que não vão agregar nada à sua vida.

ENTRANDO EM 2019 COM O PÉ DIREITO

Quer começar 2019 realmente motivado? Mude seus hábitos já! O “hoje” é sempre o melhor dia para começar qualquer coisa. Faça uma lista do que ficou para trás, inclua o que você quer fazer em 2019, defina seus objetivos com valores, quantidades, prazos. Estabeleça metas possíveis para você mesmo e se cobre. Abra mão da sua zona de conforto, acredite em você.

COMO A MOOM CONSULTORIA PODE AJUDAR

Em novembro fizemos uma palestra sobre gestão de tempo em Curitiba que deve ser repetida em janeiro ou fevereiro de 2019. Também estamos organizando eventos para São Paulo e Lisboa. Para ter acesso, acompanhe nossas redes sociais ou informe seu e-mail através da área de contato do nosso site.

Ninguém pode te ajudar mais do que você mesmo, e a missão de um coach é, justamente, coloca-lo em contato com você mesmo por meio do autoconhecimento para que tenha claros seus objetivos e metas e trace projetos para alcança-los.

Fale conosco se precisar de atendimento pessoal ou para sua empresa, ou peça mais informações.

http://moomconsultoria.com/contatos/

Por Mônica Moraes Vialle

FACEBOOK
LinkedIn
Instagram